Onde Instalar a Unidade Interna?
Última atualização:

Onde Instalar a Unidade Interna?

A unidade interna, conhecida também como evaporadora, é a parte do ar condicionado split que ficará instalada dentro do ambiente que se deseja climatizar. Escolher o local ideal para instalação é fundamental para um bom desempenho da unidade. Veja abaixo alguns critérios essenciais para uma boa instalação:

Posicionamento

O local escolhido deverá estar o mais alinhado possível em relação ao centro da sala, deste modo ocorrerá um distribuição mais uniforme do fluxo de ar, evitando assim a presença de partes quentes e frias no mesmo ambiente. O fluxo de ar das entradas e saídas devem estar livre, sem obstruções. Não instalar em locais que possam ter poeiras, gases inflamáveis e vapores d’água.

A altura recomenda da evaporadora é sempre acima de 2 metros. A unidade deverá ficar nivelada usando como referencia um nível de bolha.

Durante o tempo de uso do ar condicionado, poderá ocorrer a qualquer momento um eventual gotejamento devido a condensação de água. Então é recomendável que o espaço logo abaixo da evaporadora esteja desocupado, isto é, sem qualquer mobilia ou aparelhos eletrônicos.

Antes de furar a parede, levar em consideração a presença infraestrutura já presente embutidas em alvenaria como: canos d’água e conduítes elétricos.

Infraestrutura

É obrigatório pela norma NBR 5410 a presença de uma tomada de uso especifica, conhecida como TUE, para ligação do ar condicionado. Essa tomada deverá estar ligada a um circuito elétrico exclusivo com seu próprio disjuntor, dimensionado especialmente para atender a carga do ar condicionado.

A unidade precisa de um ponto de drenagem próximo para que a água de condensado possa ser descartada. Para evitar odores, não é recomendável a ligação direta a tubulação de esgoto.

O que é CFTV?
Última atualização:

O que é CFTV?

É uma sigla que significa: Circuito Fechado de Televisão, também conhecido como CCTV do inglês: Closed-Circuit Televison. É o uso de câmeras para transmitir e gravar vídeo de um local específico com exibição restrita a alguns monitores. Diferente da televisão aberta pública, a transmissão do CFTV é privativa e limitada a pessoas autorizadas, por isto o nome Circuito Fechado.

Este sistema é aplicado para vigilância em áreas que precisem de monitoramento constante, sendo de grande auxílio na prevenção e controle da segurança patrimonial e pessoal. Entre as diversas aplicações, as principais são:

  • Prevenção da criminalidade
  • Monitoramento de estacionamentos
  • Detecção de movimento e presença humana
  • Auxílio aos sistemas de alarme antifurto
  • Gravação de unidades industriais e plantas de processo

Câmeras Analógicas

No Brasil o tipo de câmera predominante é a analógica. O sinal é transmitido por cabo coaxial blindado. O sistema de cores empregado é tanto o NTSC quanto PAL. As diferenças entre eles são:

Comparativo NTSC PAL
Abreviação National Television System Committee Phase Alternation by Line
Linhas 525 625
Quadros por Segundo 30 25
Resolução Máxima 640 x 480 768 x 576

O sistema de cores PAL possui mais linhas e melhor estabilidade de cores, resultando em uma imagem superior. O NTSC tem como única vantagem possuir mais quadros por segundo. A UltraService recomenda o sistema PAL para câmeras analógicas.

Câmera IP

A sigla IP vem do inglês: Internet Protocol. É um tipo digital de câmera capaz de receber e transmitir dados por rede local de computadores (LAN) ou pela internet (WAN). O sinal é transmitido por par traçado utilizando cabo UTP ou STP quando se necessita de blindagem. A qualidade da imagem é superior às analógicas, sendo 720p (HD) a qualidade mínima do sensor. Há no mercado dois protocolos, ONVIF do inglês: Open Network Video Interface Forum e PSIA do inglês: Physical Security Interoperability Alliance. No Brasil e no Mundo o ONVIF é o protocolo mais utilizado.

O que é Condensadora e Evaporadora?
Última atualização:

O que é Condensadora e Evaporadora?

Os aparelhos de ar condicionado do tipo split são divididos em duas partes: condensadora e evaporadora.

Os splits ganharam sua popularidade pelas vantagens que esta divisão proporciona durante o uso e instalação. Quando são comparados aos aparelhos de ar condicionado de janela comuns, os chamados ACJ, que contém a condensadora e a evaporadora integrados em um único conjunto, os splits apresentam as seguintes vantagens: sistema modular, redução de peso, baixo ruído durante operação, facilidade em trocar os filtros, instalação sem quebra de parede, entre outras.

Diferente do pensamento popular, não existe um “gerador de frio”. O conforto térmico que os aparelhos de ar condicionado proporcionam vem da transferência de calor, de dentro do ambiente para fora.

Todos os sistemas de ar condicionado usam o ciclo frigorígeno, necessitando de no mínimo dois trocadores de calor. Em ambos os trocadores, o fluido refrigerante circula continuamente entre eles, sendo que um deles ganha e outro perde calor. Desta forma temos uma bomba de calor, capaz de transferir o calor de um ponto para outro. Em outras palavras, um lado será frio e o outro quente, o lado frio transfere seu calor para o lado quente.

Condensadora

Condensadora

Conhecida também como unidade externa, a condensadora é instalada sempre do lado de fora do ambiente climatizado.

É composta por: compressor, trocador de calor e ventilador.

Pela tomada de entrada ela recebe o fluido refrigerante que vem da evaporadora em estado gasoso de baixa pressão que é enviado ao compressor. O compressor tem como função comprimir o fluido refrigerante que pressurizado aumenta sua temperatura. Apos comprimido o fluido passa pelo trocador de calor da condensadora onde é resfriado a ar por ventilação com o ar externo, o fluido refrigerante perde calor e se torna líquido, em outras palavras ele “condensa”. O fluido sai da condensadora pela tomada de saída em estado liquido e alta pressão até a evaporadora.

Saiba mais sobre os cuidados na instalação da condensadora em: Onde Instalar a Unidade Externa.

Evaporadora

EvaporadoraTambém conhecida como unidade interna, a condensadora é instalada dentro do ambiente que se deseja climatizar.

É composta por: válvula de expansão, trocador de calor, ventilador, filtro, placa eletrônica de comando e controle remoto.

O fluido refrigerante pressurizado, que vem da condensadora em estado líquido, é enviado a válvula de expansão que reduz sua pressão. Com sua pressão reduzida o fluido refrigerante passa pelo trocador de calor que perdendo calor retorna ao estado gasoso. O fluido sai da evaporadora em estado gasoso e em baixa pressão retornado a condensadora.

Saiba mais a respeito dos cuidados na instalação da evaporadora em: Onde Instalar a Unidade Interna.